Seguro de vida ou Previdência Privada: qual você deve fazer? - corretora de seguros | Potência Seguroscorretora de seguros | Potência Seguros
Férias com a família: qual a importância do planejamento financeiro?
6 de junho de 2017
4 pontos que você precisa levar em conta ao comprar uma casa na praia
9 de junho de 2017

Seguro de vida ou Previdência Privada: qual você deve fazer?

As recentes propostas de modificação nas regras para aposentadoria têm trazido insegurança para grande parte dos brasileiros. Diante disso, uma dúvida bastante recorrente começou a surgir: o que vale mais a pena, contratar um seguro de vida ou um plano de previdência privada?

Apesar de apresentarem algumas características em comum, os dois produtos têm objetivos diferentes. Por isso, saber em quais situações é melhor optar por um ou por outro é essencial para tomar a decisão certa e desfrutar de um futuro tranquilo.

Pensando nisso, preparamos o post de hoje com as principais informações sobre seguro de vida e previdência privada, seus objetivos, vantagens e, também, mostramos qual produto é melhor para cada perfil de pessoa. Confira!

Como funciona um seguro de vida?

O principal objetivo do seguro de vida é proteger o segurado e sua família, caso a renda do provedor cesse em função de sua morte ou por algum motivo que o impossibilite para o trabalho, como acidente ou doença.

Para evitar que a família passe por um baque financeiro e a sua qualidade de vida caia, a apólice do seguro de vida a indeniza, garantindo todo o amparo necessário. 

Assim, se você tem muitas pessoas que dependem de sua renda, contratar um seguro de vida é uma escolha fundamental para o bem e segurança de seus dependentes.

As principais vantagens do seguro são:

  • amparo financeiro aos dependentes indicados pelo segurado, sem burocracia para a retirada dos recursos;
  • não incide tributação de Imposto de Renda e imposto sobre herança, não entrando no inventário;
  • não pode ser objeto de penhora em processos judiciais, já que não é considerado um investimento financeiro.

Como funciona o plano de previdência privada?

Ao contrário do seguro de vida, os recursos poupados com a Previdência Privada não estão condicionados ao acontecimento de nenhum sinistro para serem liberados ao contribuinte.

Outra grande diferença entre esses produtos é o fato de que a previdência não engloba a família ou os dependentes do titular de forma automática: os direitos sucessórios serão da pessoa indicada pelo beneficiário quando contratou o plano, ou na falta desse, dos que a lei indicar.

A Previdência Privada — também chamada de previdência complementar — tem como principal objetivo garantir que a pessoa, quando se aposentar, tenha o mesmo padrão de vida que tinha quando estava trabalhando.

O dinheiro poupado ao longo da vida é investido, gerando uma rentabilidade maior do que na caderneta de poupança. Ele garante que o beneficiário goze de um futuro tranquilo sem depender do governo.

São vantagens dos planos de previdência privada:

  • complementação da aposentadoria concedida pelo INSS que, muitas vezes, é insuficiente para o seu padrão de vida;
  • incentivos fiscais ­— o Imposto de Renda é cobrado apenas no momento do resgate ou quando a renda passa a ser recebida;
  • diversificação de investimento — a Previdência Privada permite que a pessoa escolha entre diferentes rentabilidades, de acordo com o grau de risco que está disposta a suportar.

Seguro de vida ou Previdência Privada? Qual é a melhor opção?

Como você pôde perceber, há várias diferenças entre seguro de vida e previdência privada. Sendo assim, não é possível afirmar que um plano seja mais vantajoso do que o outro simplesmente porque possuem objetivos diferentes.

Dessa forma, os dois planos são complementares e necessários para a segurança e estabilidade financeira de sua família. Por isso, na dúvida, procure instituições sérias para analisar taxas e valores e decidir o produto de melhor custo-benefício para o seu perfil e necessidades mais urgentes.

Gostou de nosso post sobre os planos de seguro de vida e previdência privada? Então, não deixe de assinar a nossa newsletter e acompanhar outros artigos importantes sobre esse assunto!